Instituto Accorsi

Tumor no ovário é sempre maligno?

Sempre que ouvimos a palavra tumor, a primeira ideia que vem é ligada ao câncer. É uma palavra que aterroriza muitas pessoas dentro dos consultórios clínicos e que geram medo e ansiedade. Mas, tumores podem ser malignos ou benignos, e são caracterizados por uma massa sólida.

No ovário são três tipos principais de tumores: os epiteliais, os de células germinativas e os estromais. A maior parte são de células epiteliais, que cobrem a superfície externa do ovário. Os tumores benignos são tratados através de cirurgia, retirando a parte afetada ou mesmo o ovário inteiro.

Já o tumor maligno é a segunda neoplasia ginecológica mais comum e pode se disseminar para outras partes do corpo. Segundo o INCA, a estimativa de 2020 foi de 6.650 novos casos no Brasil. É um tumor silencioso e seus sintomas se confundem com outras doenças, aparecendo principalmente em um estágio avançado. Com o seu crescimento, é possível sentir os seguintes sintomas:

  • Dor ou inchaço no abdômen, pelve, costas ou pernas
  • Náusea;
  • Indigestão;
  • Gases, prisão de ventre ou diarreia;
  • Cansaço constante;
  • Perda de apetite;
  • Mudanças de hábito intestinal ou urinário.

Devemos lembrar que esses sintomas, na maioria das vezes, não são causadas pelo câncer no ovário. Mas é preciso investigar, principalmente se persistirem por dias, semanas ou meses. A investigação é feita a partir de exames clínicos, radiológicos e laboratoriais. Lembrando que o Papanicolau não detecta esse tipo de câncer, ele é específico para o do colo do útero.

Então, respondendo a pergunta inicial, os tumores do ovário não são sempre malignos. Devemos estar sempre atentos para detectar as doenças precocemente e ter o melhor tratamento. Outra questão importante é manter hábitos de vida saudáveis, como boa alimentação e a prática de exercícios físicos.

Não descuide da sua saúde, existem compromissos que podem ser deixados para depois, mas esse não é um deles. Visitar seu ginecologista periodicamente, conversar sobre que o vem sentindo e realizar os exames é fundamental para a prevenção.

×

Nosso WhatsApp

× Como posso te ajudar?