Inst Accorsi

Corrimento ou Secreção Entenda a diferença

Corrimento ou Secreção? Entenda a diferença

Essa é uma dúvida bastante comum nos consultórios ginecológicos. A primeira coisa que você deve saber é que é normal a secreção vaginal. Ela é responsável por lubrificar e proteger o tecido de lesões. Sua produção fica mais intensa durante a ovulação ou pré-ovulação. Vamos entender melhor a diferença entre os dois?

  • Secreção: possui cor branca ou transparente, é fluído, não possui odor desagradável, não arde, não dói e não coça.
  • Corrimento: possui odor forte, incomoda, pode gerar ardência, dor, coçar, apresenta coloração branca, amarela ou esverdeada.

O corrimento tem diversas causas e deve ser tratado com um ginecologista, pois ele pode levar a infecções generalizadas, infertilidade e infecção do colo do útero. Seus tipos também são diferentes e devem ser investigados, os mais comuns são: candidíase, tricomoníase e gardnerella vaginalis. A candidíase é um fungo e é a mais frequente, pode aparecer após uma relação sexual, por hábitos inadequados de higiene e até mesmo quando a imunidade fica mais baixa. Já a gardnerella vaginalis faz parte da flora vaginal, e provoca o corrimento quando entra em desequilíbrio. A tricomoníase é uma IST (Infecção Sexualmente Transmissível), por isso a importância de se usar preservativos na hora da relação.

É importante manter os hábitos de higiene e alguns cuidados básicos, como o uso de roupas íntimas de algodão, evitar roupas apertadas e tecidos sintéticos, evitar duchas na região vaginal e manter uma alimentação saudável. Sempre que notar alguma alteração, é importante agendar sua consulta com o ginecologista para uma investigação do caso e o tratamento correto. 

× Como posso te ajudar?